Relembre os vice-campeonatos da dupla Come-Fogo na Copa SP de Júnior em 1983 e 2006

Botafogo e Comercial já cravaram seus nomes na Copa São Paulo de Futebol Júnior, principal competição brasileira das categorias de base. O campeonato, que terá a sua 42ª edição a partir desta terça-feira (4), já contou com a dupla ribeirão-pretana na grande final. O Tricolor foi vice-campeão em 1983, enquanto que o Alvinegro ficou com o vice-campeonato em 2006.

A classificação do Botafogo para a decisão da Copinha aconteceu após uma vitória sobre o Santos, nos pênaltis, por 4 a 3 - empate por 2 a 2 no tempo normal. Na decisão, porém, saiu perdendo do Atlético-MG, conquistou o empate, mas levou o segundo gol no estádio Palestra Itália, sendo derrotado por 2 a 1. Na época, a Copa São Paulo era disputada no final do ano anterior, por isso os jogos do Bota aconteceram de novembro a dezembro de 1982. Foram três vitórias, três empates e uma derrota.

Comercial x América na final de 2006 / Foto: Rafael GonçalvesVinte e três anos depois, em 2006, o Comercial eliminava o Juventus na cobrança de pênaltis e garantia a vaga na grande decisão. Para avançar de fase, o Leão do Norte contou com a estrela do goleiro Anderson Moraes, que salvou o time nos pênaltis. Na fase de mata-mata, o Comercial venceu apenas o Botafogo-RJ no tempo normal. As vitórias sobre Paysandu-PA, Coritiba-PR e Juventus vieram nas penalidades.

Na final, entretanto, um empate por 0 a 0 com o América, no Pacaembu, levava o confronto para os pênaltis. Desta vez, foi o time de São José do Rio Preto que faturou o 'caneco' ao vencer por 3 a 1.

 

"Foi uma competição marcante, ninguém acreditava na gente. Mas fomos coroados com a vaga na final. As dificuldades eram grandes, não tínhamos muita estrutura. Mas todos os jogadores estavam dedicados. E isso marcou na minha vida. Quando você vai em busca de algo, você pode conquistar".

Éderson, lateral direito do Comercial em 2006

Voltar

TIME-BASE DO BOTAFOGO (1983)

Ivan; Zé Carlos, Arnaldo, Carlão e Rosemiro (Ademir); Japão, Raí e Roberto Fachin (Marco Antônio Boiadeiro); Toninho Cajuru, Chiquinho e Paulo Egídio. Técnico: Macalé

 

TIME-BASE DO COMERCIAL (2006)

Anderson Moraes; Éderson, Paulo Ramazza, Henrique e Guina; Bruno, Jonatas Mineiro (Danilo), Diogo e Victor (Tiago Luís); Paulinho (Tiago Tremonti) e Buiú (Neto). Técnico: Macalé

Técnico Macalé / Foto: Rafael MartinezO PROFESSOR

Coube ao profissional Antônio José Carvalho Salomão, o Macalé, levar a dupla ribeirão-pretana na final da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Macalé era o técnico do Botafogo na campanha de 1983 e, mais de 20 anos mais tarde, assumiu e levou o Comercial à decisão, em 2006.

Rafael Gonçalves

Escreva seu comentário

Data

De Marcos Ricardo Costa

Assunto Parabéns!!!

Responder

Parabéns Rafael!!!!!
O seu site é muito bom...é extremamente importante ter este tipo de informação...sou Botafoguense, mas de qualquer forma sou Ribeirãopretano e, agradeço pela importancia que você está dando para o nosso futebol!!!

Um abraço e sucesso!!!

Marcos Costa
Campinas

Data

De ederson martins

Assunto carinho pelo bafo

Responder

foi um prazer vestia a camisa do bafo...tenho um carinho especial pelo clube e torcedores...la fui tratado mto bem...abraço pra tds torcedores do bafo...espero um dia volta...